Powered by Blogger
Carta da Maria do Carmo

Carta da Maria do Carmo

Coimbra, 2 de Dezembro de 2005

Querido Pai Natal:

Eu acho que mereço uma varinha de condão, para transformar a terra em paz e amor para não haver guerra nem luta, para as pessoas serem amigas umas das outras.

Eu sei que este pedido é dificil de arranjar mas fico à tua espera no Natal.

Se tu puderes traz-me um leitor de CD.

Desejo-te que faças uma boa viajem no teu trenó.

Adeus.

Muitos beijinhos da tua amiga Maria do Carmo Catarino